Avaliações

1º ao 8º ano do Ensino Fundamental

Acontecerão mensalmente, de forma alternada, através de testes e provas, avaliadas na escala de zero a dez, ambas com peso 2.

Considerando-se o desempenho pessoal dos alunos no que se refere à questão disciplinar e execução das tarefas, haverá, também, uma nota de avaliação pessoal (AVP) atribuída por cada professor, gerando uma média das mesmas.

Para a média do bimestre aplica-se a fórmula abaixo:

Tx2 + Px2 + AVP = Média bimestral em cada disciplina
                 5

9º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio

As avaliações ocorrem semanalmente às sextas feiras, com calendário fornecido por cada Coordenação no início das aulas. Ao longo do bimestre, cada disciplina terá duas notas provenientes das avaliações realizadas, mais uma terceira nota, a avaliação pessoal.

Exemplo da fórmula para a média bimestral:

Tx2 + Px2 + AVP  = Média bimestral em cada disciplina
                 5

Especialmente para os alunos do Ensino Médio, a partir do período letivo de 2018, criamos um recurso adicional em algumas disciplinas, de acordo com a disponibilidade dos professores, como forma de anteciparmos o resgate de conteúdos para alunos com baixo desempenho: A Recuperação Paralela Bimestral (RPB). Essa estratégia visa, basicamente, levar os alunos a um processo de consciência e envolvimento com a rotina escolar e suas responsabilidades, evitando que esses procedimentos (por parte do aluno) se deem, exclusivamente, quando por ocasião das provas de Recuperação Semestral. Não era raro observarmos alunos despreocupados com as disciplinas em déficit, deixando-as de lado e só as colocando em foco no período das provas de Recuperação Semestral.

Frequentemente, a maioria dos resultados era desastrosa. Consideramos, portanto a Recuperação Paralela Bimestral um meio mais eficaz de dar ao aluno oportunidades extras, evitando, em muitos dos casos, o encaminhamento à Recuperação Semestral.

Independentemente das avaliações regulares, em um dos sábados do bimestre, a direção poderá promover uma avaliação extra com o formato de simulado. À essa avaliação (oferecida do 6° ano do Ensino Fundamental à 2ª série do Ensino Médio), será atribuída uma pontuação extra, a ser comunicada na ocasião.

Após os quatro bimestres, será considerado aprovado aquele que obtiver total mínimo de 28 (vinte e oito) pontos, correspondendo, portanto, à média 7,0 (sete).

Mesmo que o aluno, após o fechamento do terceiro bimestre, totalize 28 ou mais pontos, não será considerado dispensado de cumprir o 4º bimestre, devendo, inclusive, submeter-se às avaliações do mesmo.

Obs.: Qualquer alteração no calendário de avaliações será notificada com antecedência.

Recuperação Semestral:

Somente para aqueles alunos com médias semestrais insuficientes, a instituição promoverá o Sistema de Recuperação Semestral:

Recuperação do 1° Semestre: Visa a recuperação do 1° e 2° Bimestres.

Recuperação do 2° Semestre: Visa a recuperação do 3° e 4° Bimestres ou, quando for o caso, poderá substituir a menor nota, quer no 1° ou no 2° Semestre, de acordo com o Conselho de Classe.

As avaliações referentes ao processo de Recuperação Semestral serão mensuradas na escala de 0 a 7, para o 1° semestre e 0 a 8 no 2°(ambos em provas valendo de 0 a 10).

Na confecção do calendário do ano letivo será destinada, ao menos, uma semana (nos horários habituais) de aulas de Recuperação, onde os conteúdos básicos e indispensáveis serão revisados.

Exceto para o Ensino Fundamental I (1° ao 5° ano) as disciplinas de Português e Redação serão mantidas com médias bimestrais. Quanto a área de Ciências, no 8° ano (Biologia e Química) e 9°ano (Biologia, Física e Química) do Ensino Fundamental, será mantida a média aritmética das disciplinas que compõem o grupo e, se for o caso, o aluno será encaminhado à Recuperação, exclusivamente, naquela(s) disciplina(s) de baixo rendimento.

Após o fechamento dos resultados da recuperação de 2º semestre, se o aluno não completar os 28 pontos, em até 3 disciplinas, poderá, ainda, ser encaminhando ao processo de Reavaliação Final (Prova Final). Para tanto, são desconsiderados os resultados anteriores e o aluno será submetido a uma PROVA ÚNICA, de conteúdo previamente estabelecido pelos professores, ocasião em que deverá obter, no mínimo, MÉDIA 7,0 (sete) para ser considerado aprovado (numa prova de 0 a 10,0).

Dependência:

A instituição de ensino aceita alunos aprovados em regime de dependência em até duas disciplinas, de acordo com o Regimento Escolar. A regra é válida tanto para alunos desta instituição quanto para alunos vindos de outras escolas. Esses alunos serão submetidos a avaliações de acordo com calendário previamente estabelecido pelas Coordenações de cada segmento.

Segunda Chamada das Avaliações:

O não comparecimento do aluno a qualquer das formas de avaliação leva à aplicação de 2ª chamada, de acordo com o regimento interno. Não está prevista a aplicação de 3ª chamada, exceto para os casos especiais, que serão avaliados e autorizados pela Direção e Coordenação. O não cumprimento dos passos para a realização da segunda chamada implica a atribuição do grau zero ao aluno naquela avaliação.

Passou a vigorar, a partir do ano letivo de 2017, a aplicação de 2ª chamada única de testes e provas perdidos no bimestre. Os calendários dessas avaliações ficam a cargo das Coordenações responsáveis por cada segmento. Essa norma não se aplica à 3ª série do Ensino Médio, devido ao calendário especial da preparação para os vestibulares.